terça-feira, 20 de setembro de 2011

A greve foi suspensa




NDG de Plantão



 A greve foi suspensa !


É importante reconhecer que,  para a vitória de todos, é preciso a participação de todos. Sabe-se que alguns se curvaram diante do governo e toda a máquina "esmagadora" do poder político partidário, mas é importante ressaltar que, nesses 112 dias e 112 noites o NDG não se curvou diante de tudo que o GOVERNO DITADOR (Sr. Antônio Augusto Anastasia PSDB e equipe da insensibilidade das secretárias: Ana Lúcia Gazzola (Educação) e Renata Vilhena (SEPLAG). Esse mesmo núcleo vai continuar atuante, apoiando e lutando com os profissionais da educação de maneira horizontal e transparente. 



"Primeiro eles te ignoram,
depois riem de você,
depois brigam,
 e então você vence."(Mahatma Gandhi)




O fim de toda batalha
 exige cautela 
          e muita sabedoria. (Gleiferson Crow - NDG)



"Todos nós, que participamos da greve, temos o direito e o dever de retornar à sala de aula de cabeça erguida, porque tivemos coragem de lutar por nossos direitos. Outros, certamente, não terão essa possibilidade."
(Profº Euler Conrado - Blog do Euler)

Vídeo: 

acorrentados ALMG _ PISO EducaÇão 2011_ NDG....wmv


G1
27/09/2011 10h55 - Atualizado em 27/09/2011 14h22

Professores se acorrentam dentro do plenário na Assembleia em MG

Eles entraram no local nesta segunda-feira (26) durante um debate público.
Tropa de choque da PM está no local, segundo assessoria da ALMG.

Do G1 MG
Professores acorrentados dentro do plenário (Foto: Tais Ferreira)Professores acorrentados dentro do plenário (Foto: Tais Ferreira/Divulgação Sind-UTE/MG)
Cerca de 30 professores estão acorrentados nesta terça-feira (27) dentro do plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Os manifestantes entraram no local nesta segunda-feira (26) quando acontecia um debate público da Comissão de Direitos Humanos. A greve dos servidores da educação já dura 112 dias.
Segundo assessoria de imprensa da Assembleia, a tropa de choque da Polícia Militar está na porta do local por medidas de precaução. De acordo com Sindicato Único dos Trabalhos em Educação em Minas Gerais (Sind-UTE/MG), os professores informaram que só vão deixar o local depois que o governador aprovar o piso salarial. Eles afirmaram ainda que escolheram a Assembleia porque foi lá que o governador encaminhou o projeto de lei dos subsídios.
Processo administrativo contra designados
Foi publicado nesta terça-feira (27) no Diário Oficial do Estado a decisão do Governo de Minas de abrir um processo administrativo contra os 248 professores designados, não concursados, que ainda participam da greve da categoria.
A secretaria diz que a medida é contínua à resolução publicada na última quarta-feira (21), de que estes profissionais deveriam voltar às salas de aula em 48 horas, prazo que expirou na sexta-feira (23).
Uma das professores durante o protesto (Foto: Tais Ferreira)Professores durante o protesto
(Foto: Tais Ferreira/Sind-UTE/MG)
Segundo a secretaria, ao todo, 8.182 servidores estão parados até esta segunda-feira (26). Eles reivindicam que o estado cumpra lei federal que determina o piso salarial da categoria em R$ 1.187 para jornada de 40 horas.

No processo, os servidores vão receber notificações individuais por escrito, que serão enviadas pelas Superintendências Regionais de Ensino para as casas de cada professor.
A partir de quarta-feira (28), segundo a secretaria, serão criadas comissões que vão analisar cada caso em sindicância. Elas serão responsáveis pela notificação, pelo recebimento da defesa de cada professor e pelo encaminhamento de um relatório. Ainda segundo a secretaria, no deste processo, o professor designado pode ser afastado do quadro de professores estaduais, caso sua defesa não consiga justificar a falta durante os dias em greve.

STF
Supremo Tribunal Federal (STF) indeferiu, nesta segunda-feira (26), um recurso protocolado pelo Sindicato Único dos Trabalhos em Educação em Minas Gerais (Sind-UTE/MG) contra liminar que determina a suspensão imediata da greve da categoria e exige o retorno dos professores às suas funções. A decisão foi do desembargador Roney de Oliveira do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) em audiência no dia 16 de setembro.

O Sind-UTE disse que vai procurar, na próxima quarta-feira (28), a ministra do STF, Carmen Lúcia, para pedir que ela reconsidere a decisão sobre a liminar e garanta o direito de greve de toda a categoria, inclusive os designados.

Entenda o caso
Servidores da educação de Minas Gerais estão em greve desde o dia 8 de junho. A categoria reivindica piso salarial de R$ 1.597,87 para jornada de 24 horas e Ensino Médio de escolaridade. De acordo com o sindicato que representa os servidores estaduais, o valor defendido segue cálculo da Confederação Nacional dos Trabalhadores de Educação (CNTE). Para tentar dar fim à greve, o sindicato já havia informado que admitiria discutir o piso de R$ 1.187, estabelecido pelo Ministério da Educação (MEC).
No dia 6 de setembro, o governador Antonio Anastasia encaminhou à Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) o Projeto de Lei número 2.355/11, que prevê mudanças na política salarial dos servidores da educação do estado. A proposta define piso de R$ 712,20 para os professores da educação que têm vencimento básico menor que este montante. A proposta enviada prevê ainda, para os trabalhadores que recebem no formato de subsídio, o salário inicial de R$ 1.122,00. As mudanças na política salarial dos servidores da educação foram anunciadas no dia 23 de agosto. Se aprovado, o projeto entra em vigor em janeiro de 2012.
De acordo com a Secretaria de Estado de Educação, com a proposta, o governo atende à determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), que estabelece piso salarial nacional para professores da rede pública no valor de R$ 1.187 para jornada de trabalho de 40 horas semanais. A secretaria diz que, como em Minas, os professores da educação básica têm jornada semanal de 24 horas e a legislação prevê a proporcionalidade, a aplicação do valor de R$ 712,20 como vencimento básico atende à interpretação da Lei Federal."

Fonte:

Os avanços foram poucos, mas os prejuizos seriam maiores com  a continuidade da greve.



_____________________________________





Caros alunos
VERDADEIROS CIDADÃOS DO BRASIL e do MUNDO

Venham para a aula de cidadania, façam
parte dos seres humanos livres.

Avisem a (o) DIRETOR (A) DA SUA ESCOLA que ainda está com aulas NORMALMENTE ou PARCIALMENTE a mando de um GOVERNO HIPÓCRITA, Fora da LEI e DITADOR. Peça licença ao seu professor "covarde" que está com MEDO DE LUTAR e venham escrever a história de uma MINAS GERAIS livre e libertada por nós SERES HUMANOS PENSANTES e DIGNOS DE RESPEITO em todo e qualquer lugar. Não sejam
COVARDES como o seu professor que está ai
trabalhando normalmente.
---------------------------------
Um governo que não dialoga com o povo,
não é digno de governar. Gleiferson Crow
--------------------
Vamos juntos gritar e exigir:

FORA ANASTASIA, FORA ANASTASIA, FORA ANASTASIA.

Abraços e estaremos esperando a presença
de vocês.

Com CARINHO professores e profissionais
da EDUCAÇÃO de Minas Gerais e Equipe NDG
em GREVE desde 8 de junho de 2011,
completando amanhã 112 dias...

Entrevista com alunos do Estadual Central (BH)
sobre a greve dos professores (MG)
http://www.youtube.com/watch?v=-k9kvqmvzVE&NR=1

o tempo on line
Alunos fazem protesto contra aulas aos sábados
Escola terá aulas até 23 de dezembro; estudantes farão protesto na segunda

""O início da reposição do calendário escolar em várias instituições estaduais, a partir de hoje, provocou reação entre estudantes que não concordam em trocar os sábados de folga pela sala de aula. Ontem, alunos da Escola Estadual Tito Fulgêncio, no bairro Renascença, na região Nordeste da capital, fizeram uma manifestação na porta do colégio. No fim da manhã, cerca de 60 alunos fecharam o trânsito na rua Jacuí, uma das principais do bairro. "Eles (alunos) não querem ter aula aos sábados e muitos tinham programado viagens de férias em janeiro", explicou a diretora da instituição, Maria de Paula Machado. O colégio tem 615 alunos, em dois turnos." O Tempo on line

greve dos 100 dias_culpa Anastasia PSDB Minas Gerais.wmv
http://www.youtube.com/watch?v=PrONfORuaF8

 

Desabafo emocionado de professora em MG

http://www.youtube.com/watch?v=JS5gaFe7X8s

Greve dos professores na Praç da Liberdade

bombas, spray de pimenta, e balas de borracha
http://www.youtube.com/watch?v=6XTZvlNAC8s&feature=player_embedded

“Sonha e serás livre de espírito…
luta e serás livre na vida. ”
(Che Guevara)

Gleiferson Crow
LEIA: O Jornal do José Elias Issa



"Cerca de 20 colegas educadores 
acorrentados no Plenário principal da ALMG"


 



"Cerca de 20 colegas educadores (foto) continuam, até este momento, às 19h54, acorrentados no Plenário principal da ALMG. Recebi informação do comandante João Martinho, de que a gerência daquela Casa, que deveria ser do povo, proibiu o uso dos banheiros pelos acorrentados. Além disso, ligaram o ar condicionado para criar um clima insuportável. Mas, os colegas continuam no local. Uma sessão que haveria agora à noite foi suspensa." (19:05min)










"Cerca de 20 colegas educadores (foto) continuam, até este momento, às 19h54, acorrentados no Plenário principal da ALMG. Recebi informação do comandante João Martinho, de que a gerência daquela Casa, que deveria ser do povo, proibiu o uso dos banheiros pelos acorrentados. Além disso, ligaram o ar condicionado para criar um clima insuportável. Mas, os colegas continuam no local. Uma sessão que haveria agora à noite foi suspensa." 
FONTE: Blog do Euler
NDG
Isso é cidadania plena

 Entrevista com alunos do Estadual Central (BH)

sobre a greve dos professores (MG)




Seminário: Sala escura da tortura -

 26 e 27/09/2011 na ALMG



NDG
Notícia

AGORA SOMOS  375  ESCOLAS em GREVE
 (nome e localidade)  
ATUALIZADO       27 set. 09h 17 min  

Informadas pelo Blog do Euler e via e-mail  (gscrow@gmail.com)

OBS.: para ver melhor aperte e segure a tecla 
           Ctrl depois aperte  a tecla +
            reduzir Ctrl depois aperte  a tecla -

Escolas ESTADUAIS (ordem alfabética):



1
Abílio Patto - Governador Valadares
2
ÁGUAS FORMOSAS  (localidade?? Ou escola???)   16 de greve  (10 tampões)
3
Alair Alves Costa - Nova Módica
4
Alberto Azevedo -  Inhapim 100%  GREVE
5
Alberto Pereira Lima - João Monlevade , Presente na GREVE - parcial
6
Alberto Vicente Pereira - DIVISÓPOLIS - (5 grevistas GUERREIROS) 8 junho
7
Alda Mota -  Uberlândia
8
Alfredo Lima - Manhumirim (parcial e com tampões)
9
ALI HALFELD - Juiz de Fora - 2 professoras paradas
10
Alonso Marques  - Sete Lagoas
11
Alvaro Romano Parcial - Nanuque - grotões de Minas -6º ao Médio-parado
12
Américo C. Brant (norte de Minas) desde junho- recuos e "tampões" ,mas há aqui um NDG.
13
Américo Rene Giannetti - Uberlândia- parcialmente em greve em torno de 30% de grevistas
14
Américo Vespúcio -  ITUETA  GOV. Valadares
15
Anexo Renato Azeredo - Vespasiano - grande percentual em greve!
16
Antônia Pereira - Ouro Preto (Distrito) parcialmente greve (funciona precaria)
17
Antonio Batista da Mota Parada total - Nanuque - grotões de Minas -6º ao Médio-parado
18
Antonio Carlos - Inhapim
19
ANTONIO FELIPE DE SALLES PARCIAL  CAMBUÍ - SUL DE MINAS
20
Antonio Ferreira Barbosa    ITURAMA- TRIANGULO MINEIRO
21
Antônio Luis Bastos -  Uberlândia
22
Antônio Miguel (alguns servidores) Ribeirão das Neves
23
Antônio Rigueiro (alguns servidores) Ribeirão das Neves
24
Ari da Franca BH, presente na greve
25
Armenio Veloso - Montes Claros (parcialmente em greve)
26
Arthur Antônio Fernandes(Coronel Murta) parcialmente
27
Augusta Valle-Montes Claros - Parcial desde 08/06
28
Augusto de Lima - NOVA LIMA (em greve parcial)
29
Ayna Torres - Diamantina - parcialmente (alguns prof.)  NDG presente
30
B. Industrial -  Uberlândia
31
Beatriz Maria de Jesus São José da Lapa, presentes na greve!
32
Benedito Quintino dos Santos  - Tarumirim
33
Benedito Valadares  - CARANGOLA (há 2 EDUCADORAS paralisadas) NDG presente
34
BENJAMIN VERSIANE DOS ANJOS - MONTES CLAROS
35
Bernado Vasconcelos.  GREVE EM SETE LAGOAS:
36
Bernardo Monteiro BH tem representantes na greve!!!
37
BERNARDO VALADARES (localidade???)
38
Bom Pastor   - Governador Valadares
39
Caetano Marinho - Ponte Nova e região - NDG presente
40
Cândido Gomes - Ponte Nova e região - NDG presente
41
Canuta Rosa de Oliveira IPATINGA - parcial 14 prof. GREVE
42
Capitão Godoy  - Volta Grande (presente na greve)
43
Carlos Góis (professores em GREVE)Campos Gerais- Sul de Minas
44
Carlos Luz    - Governador Valadares
45
Carlos Nogueira da Gama - Reduto - presente na greve
46
Carlota de Andrade - Itanhomi presente na greve
47
Castelo Branco - Além Paraíba  (presente na greve)
48
Catarina Jorge Gonçalves  - Contagem desde 8/6
49
CECILIA DOLABELA - LAGOA SANTA (tem TAMPAX- DESORGANIZAÇÃO E A BAGUNÇA)
50
Cel. Amantino Maciel em Piranga, quatro guerreiras(os)  DIVINOPOLIS NA GREVE
51
Cel.José Ildefonso em Piranga, funcionando parcialmente.  DIVINOPOLIS NA GREVE
52
Celso Machado - Barreiro BH- não está funcionando 100%
53
Centro Interescolar  - Governador Valadares
54
CESEC - Centro Interescolar Dr Raimundo Soares Albergaria" - Gov. Valadares
55
Cesec - João Monlevade - parcial
56
Cesec - Manhumirim (parcial e com tampões)
57
Cesec Caeiras -  Vespasiano - pequeno mas valente percentual em greve!
58
CESEC DE MONTES CLAROS (01 professora)
59
Cesec Querobim F.Otoni - Almenara (01 prof.)
60
Cesec Vila Esportiva -  Vespasiano - pequena mas valente percentual em greve!
61
CLEMENTE DA ROCHA BANDEIRA
62
Clorindo Burnier  - Juiz de Fora (mais uma adesão. Agora somos 6 professores em greve.)
63
Com. Mário Goulart Santiago - Pedralva -parcialmente (11 professores em greve)
64
Comendador Nascimento Nunes Leal - Resplendor (E de Minas)- 90% - tem fura greve
65
Cônego José Maria (parcial) Três Pontas- MG
66
Conego Luis Vieira da Silva - Ouro Branco (12 prof GREVE e 1profª designada da S.R.E.)
67
Conservatór.  Est. Música Lobo de Mesquita - Diamantina - parcialmente (alguns prof.)  NDG presente
68
Conservatório Estadual de Música "Cora Pavan Capparelli - Uberlândia
69
Constâcio c. de Alvarenga - Nacip Raydan - Greve Parcial
70
Cordovil Pinto Coelho - Manhuaçu- adesão recente (parcialmente ou com tampões)
71
Coronel Amantino - Porto Firme (1 prof. em greve desde 8 de junho) (verificando)
72
Coronel Amantino Maciel (Piranga) - presentes na greve.  (verificando)
73
Coronel José Ildefonso (Piranga) - greve parcial
74
Coronel Mariano Murta(Coronel Murta) parcialmente
75
D.Arabela Costa   - Governador Valadares
76
De Conselheiro Pena (EE) - Conselheiro Pena
77
Deniz Vale - Nova Lima
78
Deputado Alvaro Sales/Venda Nova (Parcialmente 2 professores)
79
Deputado Esteves Rodrigues -Montes Claros - Parcial desde 08/06
80
Deputado Ilacir Pereira Lima, em Belo horizonte, 15 professores em greve (TEM TAMPAX)
81
Deputado Patrus de Sousa" - Carandaí  (parcialmente) cerca de vinte professores
82
Deputado Renato Azeredo GREVE EM SETE LAGOAS:
83
Deputado Teodósio Bandeira Três Pontas- MG
84
Desembargador Horacio Andrade - Ouro Preto, funcionando parcialmente com substitutos
85
Desembargador Rodrigues Campos - Barreiro BH- 10 combatentes em greve
86
Diocesano   - Governador Valadares
87
DO BAIRRO CANTINHO DO CEU - Mutum
88
Dom Cabral - Belo Horizonte - bairro Betânia sub sede Amazonas-BH
89
Dom Cavati - Ubaporanga.( parcial)
90
Dom Hermínio Malzone Hugo -  Naque
91
Dom Othon Motta - Conceição do Rio Verde, sul de Minas - 13 professores guerreiros
92
Dom Pedro II - Ouro Preto, funcionando parcialmente com substitutos
93
Dom Silvério -  Mariana - precariamente com substitutos
94
Dom Velloso" Ouro Preto 100% dos professores em greve (funcionando parcialmente com substitutos)
95
Dona Francisca de Oliveira - Pompéu - S.R.E. Sete Lagoas (quase totalmente paralisada)
96
Dona Francisca Josina - localizada na Serra do Cipó
97
Donato Werneck de Freitas - Belo Horizonte - 100% TOTAL em greve (cerca de 35 profissionais)
98
Dr.  Raimundo Alves Torres  - VIÇOSA ( parcialmente)
99
Dr. Alípio Fernandes - Inhapim
100
Dr. André Cortez Granero - Guaxupé -  parcialmente em greve.
101
Dr. Antônio Ferreira Lisboa - Governador Valadares
102
Dr. Avelar Completando a lista de guerreiros de Sete Lagoas e região:
103
Dr. Benedito Leite Ribeiro - Guaxupé -  parcialmente em greve.
104
Dr. Geraldo Parreiras - João Monlevade , presente na greve.
105
Dr. Guilhermino de Oliveira  - Inhapim
106
Dr. José Augusto - Entre Folhas (precariamente -professores substitutos)
107
Dr. José Maria Lobato -  OLIVEIRA (parcialmente)   S.R.E. DIVINÓPOLIS
108
Dr. Odilom Loures - Bocaiuva  desde de junho (norte de Minas)  (parcialmente com tampões)
109
Dr. Pedro Paulo Netto - Divino- 5ª SRE (Carangola)
110
Dr. Raul Soares: 02 combativas - desde 08/06 NDG Itabirito
111
Dr. Ulisses Vasconcelos  Completando a lista de guerreiros de Sete Lagoas e região:
112
Edite Furst Completando a lista de guerreiros de Sete Lagoas e região:
113
EE de Uberlândia presente na greve
114
EFFE ROLFS - VIÇOSA - parcialmente na greve
115
Efigênia da Barros Oliveira (Barão de Cocais MG - 1 servidor em greve)
116
Eliseu laborne e Vale - Belo Horizonte (1 prof. GREVE)
117
Elisio Carvalho de Brito - Sabará - adesao parcial, mas os que estao de greve estão para o que der e vier
118
Emília Esteves Marques (CARANGOLA) firmes na luta com os seus grandes EDUCADORES!
119
Emilio de Vasconcelos Costa GREVE EM SETE LAGOAS:
120
Engº  Amaro - Taruaçu parcial
121
Engº  Henrique Dumont- Santos Dumont - 01 professora na GREVE
122
Engº Caldas - Caratinga - 5 professores
123
Engº Queiroz Júnior:11 combativos - desde 08/06 NDG Itabirito
124
Eponina Soares - Sete Lagoas e região_ completando a lista de guerreiros
125
Escola do Córrego do Beija Flor ( parcialmente)  Tarumirim
126
ESCOLA MILITAR -  LAGOA SANTA
127
Estudante Lívia Mara de Castro - Betim, com 60% de adesão.
128
Euzébio Cabral   - Governador Valadares
129
Fazenda Modelo - Pedro Leopoldo (parcialmente)
130
Fernando Otávio - Pará de Minas (tem tampáx)
131
FRANCISCO DE SOUZA RESENDE - Divino das Laranjeiras - Leste (5 na luta,sem substitutos)
132
Francisco do Carmo" - Carandaí  (parcialmente) sete professores
133
Francisco Firmo de Matos - Contagem (5 professores em greve)
134
Francisco Manuel - Descoberto - mantém posição nesta greve.
135
FRANCISCO MENEZES FILHO - BH
136
Francisco Sales (Capim Branco)
137
Francisco Viana -  Vespasiano - em greve com grande percentual!
138
Frei Afonso Maria Jordá -  Aimorés, professores em greve sendo substituídos por tampões
139
Frei Carlos - Piedade de Caratinga- 10 professores
140
Frei Egídio -  Uberlândia
141
FREI MARCELINO DE MILÃO IAPU - Parcial greve (duas guerreiras paradas)
142
Gabriela Neves  - Diamantina - parcialmente (alguns prof.)  NDG presente
143
Gentil Pereira Lima" - Carandaí parcialmente) resistem bravamente
144
George Chalmers - Nova Lima
145
Geralda Pereira de Almeida - Sardoá
146
Geraldo Parreiras- João Monlevade, presente na greve !!!!!!!!!!
147
Gilberto C. Brant -  Bocaiuva -junho - N de Minas (parcial tampões) mas há aqui um NDG.
148
Gomes Freire -  Mariana - precariamente com substitutos
149
GONÇALVES CHAVES -  MONTES CLAROS
150
Gov. Bias Fortes - Ponte Nova e região - NDG presente
151
GRAMONT ALVES GONTIJO - BETIM
152
Gregoriano Canedo - Monte Carmelo - todos de greve (funcionando com substitutos)
153
GUANHÃES mais uma atingida pela greve!
154
Guerino Casassanta (05 servidores) Ribeirão das Neves
155
Guilherme Hallais França -  Vespasiano - grande percentual em greve!
156
Guilhermino de Oliveira (CAIANA- S.R.E. Carangola???
157
Helder de Aquino - Urucânia (parcial) Ponte Nova e região - NDG presente
158
Helena Guerra - Contagem (Parcialmente, desde 08-06) aulas só com substitutos
159
Helvécio Dahe (boa adesão) Ribeirão das Neves
160
Henrique Galvão - DIVINÓPOLIS... 01 professor na greve desde 08/06
161
Hortêncio Diniz -  Uberlândia
162
Humberto de Campos - Itanhomi presente na greve
163
Ignácio Paes Lemes -  Uberlândia
164
Imaculada Conceição (Pedro Leopoldo)
165
Imaculada Conceição (Porto Firme) presente na greve.
166
Inácio Castilho -  Uberlândia
167
Intendente Câmara Itabirito 11 combativos - desde 08/06 NDG
168
Isabel Vieira - Caratinga -  2 professoras
169
Jardim do Ipê   - Governador Valadares
170
João Alves dos Santos -  Varzelandia (Campo Redondo) 3 prof. GREVE desde 08/06.
171
João Belo de Oliveira  (CARANGOLA) estão firmes na luta com os seus grandes EDUCADORES!
172
João Côrrea Armond (alguns servidores) Ribeirão das Neves
173
João de Almeida (boa adesão) Ribeirão das Neves
174
João de Almeida Pimentel - Inhapim de greve (uma guerreira - vigília na ALMG)
175
João Felipe da Rocha - Nova Lima
176
João Gonçalves Neto (alguns servidores) Ribeirão das Neves
177
JOÃO LOPES PARCIAL  CAMBUÍ - SUL DE MINAS
178
João Paulo I - Belo Horizonte- parcial
179
João Rezende - Uberlândia- parcialmente em greve em torno de 30% de grevistas
180
João Wesley  - Governador Valadares
181
JOÃO XAVIER DA COSTA - MANHUAÇU  (EM GREVE FUNCIONANDO COM TAMPÕES.
182
João XXIII - Ipatinga (8 profº e 1 pedagoga em GREVE)
183
Joaquim Felício dos Santos  - Diamantina - parcialmente (alguns prof.)  NDG presente
184
Joaquim Francisco Xavier - Inhapim- bairro Santo Antônio
185
Joaquim Saraiva -  Uberlândia
186
José Augusto Ferreira - Caratinga - 3 professores
187
José Bonifácio (grande adesão) Ribeirão das Neves
188
José Elias Issa - São José da Lapa - presentes na greve!
189
José Gabriel -  Vespasiano - a maioria em greve!
190
José Henrique Filho - Aimorés
191
José Inácio de Souza -  Uberlândia
192
José Severino" – Sobrália
193
José Tavares de Souza -   Aimorés - (5 profes. subst. por tampões)
194
José Teixeira Franco -  Aimorés - (prof. em greve subst. por tampões)
195
Josefina Wanderley Azeredo - Nova Lima
196
Julio César  - SETE LAGOAS
197
Júlio César de Vasconcelos  (LOCALIDADE???  E seria Dr. Júlio César de Vasconcelos??)
198
Júlio Soares - Gov. Valadares
199
Juvenília -  Uberlândia
200
Juventina Pinto Brandão - Contagem 01 professor em greve desde 08/06
201
Juventino Alves Ferreira - Greve parcial -Virgolândia.
202
Labor Club   Gov Valadares
203
Laudelina Dias Lacerda -Almenara (parcial)
204
Leônidas Marques AFONSO - Jaboticatubas - presente na greve
205
Leonina Mourthé de Araújo - Santa Luzia
206
LEVÍ DURÃES PERES -  MONTES CLAROS
207
Levindo Dias - Capitão Andrade
208
Louis Ensch - João Monlevade - parcial
209
Lourdes de Carvalho - Uberlândia- parcialmente em greve em torno de 30% de grevistas
210
Ludgero Alves - Caratinga - 4 professores
211
Luís Borges  - Rio Manso (parcialmente em greve desde 08/06)
212
Luiz de Bessa - Belo Horizonte - (B. Goiânia)  parcialmente em greve (três turnos)
213
LUIZ GONZAGA BASTOS - CONSELHEIRO PENA
214
Luiz Prisco de Braga- João Monlevade, presente na GREVE parcial
215
Machado de Assis - Aimorés (prof. em greve subst. por tampões)
216
Machado de Assis - VESPASIANO a maioria em greve!
217
Madre Santa Face  - VIÇOSA -(1º ao 5º ano) - parcialmente 9 guerreiras - tem tampões
218
Maestro Villa Lobos - Belo Horizonte -  30 professores em greve desde 8/6
219
Magno Claret - Pedro Leopoldo
220
Manhumirim (E.E.)- Manhumirim (parcial e com tampões)
221
Manoel Batista - Pará de Minas (parcial, tem tampáx)
222
Manoel Byrro - Governador Valadares
223
Manoel Victorino de Oliveira -  Aimorés -(prof. em greve subst. por tampões)
224
Maria Anália Mendes Ferreira - Cachoeira da Prata, SRE de Sete Lagoas.
225
Maria Carolina Campos-Belo Horizonte(Venda Nova) adesão grande - tem tampax
226
Maria Conceição B. De Souza - Uberlândia- parcialmente  30% de grevistas
227
MARIA CONCEIÇÃO RODRIGUES AVELAR -  MONTES CLAROS
228
Maria da Glória (boa adesão) Ribeirão das Neves
229
Maria da Piedade -  Vespasiano - a maioria em greve!
230
Maria de Lourdes de Oliveira (BH) parcialmente grevistas foram substituidos (tem tampax)
231
MARIA DE LUCCA PINTO COELHO - MANHUAÇU - GREVE, (guerreiros substituídos por tampões)
232
Maria Floripes Nascimento Alves - Sabará - 8 guerreiros nos três turnos
233
Maria Guilhermina Pena - Conselheiro Pena
234
Maria Isabel Vieira - Caratinga -  5 professores
235
Maria Josefina Sales Wardi - Nova Lima (Jardim Canadá) parcial - GREVE 10 prof na luta
236
Maria Luiza Alves Vieira - Mutum, presente NA GREVE,desde o dia 08/06/2011.
237
Maria Teixeira da Fonseca  - Tarumirim
238
Marília de Dirceu - Ouro Preto, funcionando parcialmente com substitutos
239
Mário Campos e Silva - OLIVEIRA (parcialmente)  S.R.E. DIVINÓPOLIS
240
Mario Porto - Uberlândia- parcialmente em greve em torno de 30% de grevistas
241
Maurício Murgel,em BH- presente na greve.
242
Maurilio de Jesus Peixoto GREVE EM SETE LAGOAS:
243
Melo Viana 5ª SRE - Divino-(Carangola)
244
Messias Pedreiro -  Uberlândia
245
MINISTRO FRANCISCO CAMPOS - Mutum  (S.R.E. MANHUAÇU)
246
Ministro Francisco Campos - Pompéu - S.R.E. Sete Lagoas (parcial)
247
Moacyr de Mattos - Caratinga - 4 professores
248
Modestino Andrade Completando a lista de guerreiros de Sete Lagoas e região:
249
MONSENHOR GUSTAVO  - Montes Claros (desde 8/6/2011)
250
Monsenhor Teófilo Sáez  (professores em GREVE)Campos Gerais- Sul de Minas
251
Murgy Hibraim Sarah Santa Luzia parcialmente em greve
252
Nacif Selim de Sales -  Ipatinga:
253
Nacle Miguel Habib    - Governador Valadares
254
Neuza Rezende - 1 professor(parabéns)  -  Uberlândia
255
Newton Martins (01 servidor) Ribeirão das Neves
256
Nila Faraj -  Vespasiano - em greve com grande percentual!
257
NILO MAURICIO -  LAGOA SANTA
258
Nilza Luzia de Souza Butta   Ipatinga:
259
No Conjunto H. Cruzeiro do Sul - Uberlândia- parcialmente - 30% de grevistas
260
Nossa Senh de Lourdes - Maria da Fé - Sul de Minas - GREVE Parcial e com tampões
261
Nossa Senhora da Conceição (01 servidor) Ribeirão das Neves
262
Nossa Senhora de Lourdes   ITURAMA- TRIANGULO MINEIRO
263
Nossa-Senhora-do-Patrocínio -   Virginópolis
264
Oswaldo Lucas Mendes -Taiobeiras (parcialmente parada) escola referência
265
Ouro Preto (EE)- cidade de Ouro Preto, funcionando parcialmente com substitutos
266
Padre Afonso de Lemos - Ouro Preto, funcionando parcialmente com substitutos
267
Padre Alvaro Correia Borges  - VIÇOSA - parcialmente presente na greve tem tampões
268
Padre Benevenuto - Ponte Nova e região - NDG presente
269
Padre José Maria De Man. - Contagem desde 8/6
270
Padre José Senabre -  Vespasiano - a maioria em greve!
271
Padre José Silveira - Varzelândia - precariamente - Núcleo Duro resistindo firme: 08/06).
272
Padre Pedro Ribeiro de Castro - Conceição do Rio Verde, (S de Minas) 1 guerreira
273
Pandiá Calógeras - SETE LAGOAS  (16 professores greve - manhã, substituídos por tampax)
274
Parque São Jorge - Uberlândia- parcialmente em greve em torno de 30% de grevistas
275
Pastor Paulo Nascimento - Nanuque - grotões de Minas - - parcial6º ao Médio-parado
276
Paulo Campos Guimarães - Pompéu - S.R.E. Sete Lagoas (parcial)
277
Paulo das GRAÇAS DA SILVA - BELO HORIZONTE (NOVA VISTA) - (NÃO HÁ QUASE NINGUEM!)
278
Paulo Freire  - Governador Valadares
279
Pedro de Alcântara (alguns servidores) Ribeirão das Neves
280
Pedro Roberto de Menezes  - Pompéu - S.R.E. Sete Lagoas (parcial)
281
Pero Vaz de Caminha Belo Horizonte ¨-Cachoeirinha -B.Hte 
282
Polivalente -  Uberlândia
283
Polivalente - Manhuaçu- (parcialmente ou com tampões)
284
Prefeito Jacy Junqueira Gazola (Alguns bravos guerreiros) Três Pontas- MG
285
Prefeito Joaquim Pedro Nascimento   - Governador Valadares
286
Presidente Dutra- BH , no turno da manhã 
287
Presidente Tancredo Neves (desde 09/08) Três Pontas- MG
288
Princesa Isabel -Caratinga -  5 professores
289
Prof Diva MEDEIROS - Japonvar -  1 PROFESSORA DE GREVE - desde final de Junho
290
Prof.  Cândido GOMES -  ALVINÓPOLIS NA GREVE DESDE 23/09/11
291
Prof.  HAMILTOM LOPES - Montes Claros
292
Prof.  José Freire (Juiz de Fora)-Parcialmente em greve
293
Prof.  JOSÉ SAINT CLAIR - Juiz de Fora -   6 professores parados
294
Prof.  Vitor Pinto - Jequitibá -  11 professores em greve
295
Prof.  Wilson de Melo Guimarães - Pará de Minas (15 professores estão em greve desde 13/06)
296
Prof. Antônio Fernandes Pinto Rio Piracicaba;
297
Prof. Antônio Gonçalves Lana - Ponte Nova e região - NDG presente
298
Prof. Darcy Ribeiro  - Governador Valadares
299
Prof. Domingos Ornelas em Santa Luzia (tampões desde 20/9/2011)
300
Prof. DULCE SARMENTO -  MONTES CLAROS
301
Prof. Eduardo Daniel Ferreira Dias Campos Gerais- Sul de Minas
302
Prof. Gabriel Mandacarú - Diamantina - parcialmente (alguns prof.)  NDG presente
303
Prof. Gastão Valle -  Bocaiuva  (N de Minas)  -parcialmente com tampões, mas há aqui um NDG.
304
Prof. Inês Geralda de Oliveira -Belo Horizonte (B. Juliana)  50% adesão no noturno.
305
Prof. Izabel Mota - Diamantina - parcialmente (alguns prof.)  NDG presente
306
Prof. João Fernandino Junior GREVE EM SETE LAGOAS:
307
Prof. Joaquim Nunes - Caratinga -  5 professores
308
Prof. Juvenília Ferreira Santos - Uberlândia- parcialmente  30% de grevistas
309
Prof. Leônidas de Castro Serra - Uberlândia- parcialmente  30% de grevistas
310
Prof. Leopoldo Miranda - Diamantina - parcialmente (alguns prof.) NDG presente
311
Prof. Manuel Rufino - Urucânia (parcial) Ponte Nova e região - NDG presente
312
Prof. Nelson de Sena - Governador Valadares
313
Prof. Ondina Pinto de Almeida - Engenheiro Caldas
314
Prof. Pinheiro Campos - OLIVEIRA (parcialmente) S.R.E. DIVINÓPOLIS
315
Prof. Plínio Ribeiro_ Montes Claros - Parcial desde 08/06
316
Prof. Raimundo Martiniano Ferreira - Ponte Nova e região - NDG presente
317
Prof. Rousset GREVE EM SETE LAGOAS
318
Prof. Vicente Lopes Peres - Monte Carmelo - todos de greve(funcionando com substitutos)
319
Profª Dulce Sarmento  - Montes Claros (greve desde 08/07/2011) funcionan c/ subst
320
Profª Maria Amélia Guimarães - Belo Horizonte  (5 em GREVE) tem tampão
321
Profª Maria ASSUNÇÃO  - DISTRITO DE ITANHOMI (GREVE TOTAL)
322
Profª Maria Cecília de Melo  - Belo Horizonte (11 de greve) tem 1 tampão
323
Profª Maria Coutinho  NDG Itabirito
324
Profª Marieta Castro Três Pontas- MG
325
Profª.  Coutinho(Contagem)
326
Profª.  Elza Moreira  GREVE EM SETE LAGOAS:
327
Profª. Ilma de Lana Emerique Caldeira  - Dom Cavati
328
Profª. MARIA DA CONCEIÇÃO MORAES - Cambuí - (Sul de MG) S.R.E. Pouso Alegre - parcial
329
Profª.Diva MEDEIROS  - JAPONVAR ( 01 PROFESSORA GREVE DESDE final JUNHO)
330
Quintino Bocaiúva  - Governador Valadares
331
Raul Soares (15 guerreiros) - Com substitutos - vergonha  - Ubá (presente)
332
Raul TEIXEIRA DA COSTA SOBRINHO - Santa Luzia  (parcialmente + - 10 prof. GREVE)desde 8/6
333
Renato Azeredo - Vespasiano - a maioria em greve!
334
Renato Gusman  - Manhuaçu- (parcialmente ou com tampões)
335
Renê Giannetti -  Uberlândia
336
REPARATA - LAGOA SANTA - 1 PROFESSOR 
337
Rui Barbosa - Pedro Leopoldo
338
Rui Barbosa - TARUMIRIM (parcialmente)
339
Ruy Pimenta - Contagem desde 8/6 ( tem dois professores em greve)
340
Sagrada Família  - Governador Valadares
341
San Genaro - Ribeirão das Neves  (boa adesão)
342
Sandoval Soares de Azevedo - Ibirité
343
Santa Rita - Além Paraíba (presente na greve)
344
SAnt'Ana - Brasília de Minas presente na greve
345
Santana - João Monlevade - parcial
346
Santos Dumont - BH - Venda Nova  (7 em greve: 3 des, 3 ef e 1 efetiva.
347
São José - Alto Rio Doce  (NÃO CONSEGUIRAM CONTRATAR NENHUM PROFESSOR)
348
São José - ALTO RIO DOCE - PRESENTE NA GREVE
349
São Vicente de Paulo  - Manhuaçu (parcialmente ou com tampões)
350
Sátiro Alvim Completando a lista de guerreiros de Sete Lagoas e região:
351
SEBASTIAO LOPES DE CARVALHO - VIÇOSA - 1 SOBREVIVENTE na LUTA 
352
Sebastião Pereira Machado -  Piranguinho  (greve15/06 alguns voltaram)
353
Secretário Levindo Coelho  - Governador Valadares
354
Segismundo Pereira -  Uberlândia
355
Selim José de Sales - Ipatinga
356
Senador Antônio Martins - Ponte Nova e região - NDG presente
357
Senador Levindo Coelho - Parcialmente parada
358
Sérgio de Freitas Pacheco - Uberlândia- parcialmente em greve em torno de 30% de grevistas
359
Sinfrônio Fernandes - Caratinga - 1 professor
360
Sinhá Andrade - SETE LAGOAS:
361
Sinval Rodrigues Coelho  - Governador Valadares
362
Soares Ferreira -  Mariana - precariamente com substitutos
363
Stalim Romano Parada total - Nanuque - grotões de Minas -6º ao Médio-parado
364
Stella Matutina Parada total - Nanuque - grotões de Minas -6º ao Médio-parado
365
Tancredo de Almeida Neves  - João Pinheiro - um NDG- 08 professores na luta
366
Tancredo Neves - Almenara (parcial)
367
Teotônio Vilela  - Uberlândia- parcialmente em greve em torno de 30% de grevistas
368
Tiradentes     ITURAMA- TRIANGULO MINEIRO
369
Tomaz Rezende -  Uberlândia
370
Vale do Mucuri Parcial - Nanuque - grotões de Minas -6º ao Médio-parado
371
Ver. José de Souza Gomes Divino- 5ª SRE (Carangola)
372
Ver. Antonio Duarte - Itanhomi  - COM AULAS PARCIAIS!
373
Vicente José Soares (Dist de Sto Antonio Pontal)  Governador Valadares
374
Vicente Macedo Frutal -  parcialmente - presente na greve
375
Zinha Meira  Bocaiuva   (parcialmente com tampões) mas há aqui um NDG.



Obrigado aos anjos guerreiros.
_________________________________________
"Greve dos Professores de MG - 2011
Depoimentos de Leonardo Boff e Dom Tomás Balduíno"
  

Fonte: Blog do Euler

NDG
                   - -                 Caros anjos guerreiros 
“Dê ao mundo o melhor de você. 
Mas isso pode não ser o bastante.
 Dê o melhor de você assim mesmo.
 Veja você que, no final das contas, 
é tudo entre VOCÊ e DEUS. 
Nunca foi entre você e os outros.”
                                                                                    (Madre Tereza de Calcutá)
                       - - -

Obrigado pelas observações.
O importante é que estamos com os pés no chão,
pois sabemos muito bem a real diferença entre
PISO e TETO.

SUGESTÃO: 

Teria condições de realizar uma MISSA amanhã pela manhã às 08:00 horas no PÁTIO da ALMG???
Uma missa e poderíamos convidar os funcionários
que ali estive trabalhando.  Caso isso não seja possível, um ato ecumênico.

Hoje tentei ir na ALMG, mas tive uma urgência
e não pude sair. 

Em SETE LAGOAS e cidades vizinhasm , conversando com uma prima,  a nossa GREVE foi comentada nas igrejas e sobre o ATO  de amanhã.

HOJE às 18:00 na AVE MARIA, vamos todos fazer
uma oração  (respeitando as particularidades). E acender uma vela para que DEUS, as ALMAS e os ESPÍRITOS BONS intercedam por nós e abra todos os caminhos possíveis. Banhando com o manto DIVINO os corações magoados, os pensamentos maus, abra os olhos, os ouvidos, a boca dos seres humanos responsáveis por toda essa luta para que tudo seja resolvido com PAZ e SABEDORIA. Que cada lágrima que escorregue dos nossos olhos, sejam lágrimas de alegria, de vida, de emoção e que os anjos possam bailar de alegria com a nossa vitória.
Que DEUS Pai todo PODEROSO esteja
com TODOS nós nesses momentos de dor,
de desesperança, de discórdia, de amargura
e que purifique a alma dos homens e faça
adormecer as crianças, para que no futuro sejam 
homens de coração puro. Somos todos filhos de DEUS. 
        
                 - - -


“Não utilizemos bombas e armas para dominar o mundo. Vamos usar amor e compaixão. 

A paz começa com um sorriso - sorri cinco vezes por dia para alguém a quem não gostarias realmente de sorrir – faze isso pela paz. 

Então vamos irradiar a paz de Deus e assim acender a Sua luz e extinguir do mundo e dos corações de todos os homens todo o ódio e amor pelo poder.”  (Madre Tereza de Calcutá)

            - - -
Gleiferson Crow (ser pensante)
LEIA: O Jornal do José Elias Issa



 SOS   EDUCAÇÃO
  NDG 
Por favor, ajude como você puder.

Assembleia Legislativa de Minas Gerais ( Belo Horizonte )
Rua: Rodrigues Caldas, 30 Santo Agostinho 
(próximo do Ministério Público Estadual) 
Acesso também pelas Avenidas: Álvares Cabral e Olegário Maciel

"Greve dos educadores continua presente em centenas de escolas; 

água da ALMG é cortada covardemente; 

greve ganha apoio de toda parte.


"Greve dos educadores continua presente em centenas de escolas; 
água da ALMG é cortada estranha e covardemente; 
greve ganha apoio de toda parte.
 O chão de Minas vai tremer na segunda e na terça-feira."(por Euler Conrado)



"Pelos depoimentos que temos recebidos aqui no blog, percebemos o quanto o governo mineiro tem sido desumano, cruel e déspota no tratamento com os educadores. Colegas nossos que estão com filhos nascidos há poucos dias, com esposas grávidas; com pessoas enfermas na família; outras passando grandes dificuldades de sobrevivência elementar, com água e luz cortadas, comida escassa e muitas contas para pagar. Os educadores mineiros estão sendo tratados e castigados feito escravos, por ousarem lutar pelo cumprimento de uma lei federal, que é direito constituído e sonegado pelo governante de plantão. Mas, não abrimos mão da nossa dignidade e dos nossos direitos!
"

Já seria o caso de acionar as Comissões e secretárias e órgãos nacionais e internacionais de Direitos Humanos, para apuração de crimes lesa-humanidade. Todo este castigo é ainda aprofundando com as mentiras divulgadas através da mídia comprada, que, com raras exceções, mostra apenas a versão do governo, citando laconicamente a versão do sindicato.

O próprio governo estimula a divisão interna na categoria, ao elogiar os que estão em sala de aula, contrariando inclusive seus próprios interesses; além de ameaçar e chantagear quem está em greve, especialmente os designados. Além disso, o governo cortou os salários dos grevistas e ameaça não pagar o 14º salário em outubro, como forma de punir aos educadores em greve pelo cumprimento de uma lei. Minas vive dias de terror, que seguramente terá consequências, caso o déspota não flexibilize e aceite pagar o piso a que os educadores têm direito, devolvendo tudo aquilo que foi apropriado indevidamente nestes dias de greve.

Não bastasse isso, hoje se verificou também o corte da água da ALMG, ficando os colegas educadores que lá se encontram em vigília e em greve de fome impedidos de usarem os banheiros e até mesmo para o consumo humano. A desculpa oficial é a de que estariam limpando as caixas d'água.Não aceito essa desculpa. Sabedores que os educadores lá se encontram acampados, fato amplamente divulgado pela mídia e do conhecimento da presidência e da gerência daquela Casa, era dever deles adiarem os tais trabalhos de limpeza, ou no mínimo, oferecerem alternativas para não provocar uma situação desumana com os colegas educadores que lá se encontram."
(continua)
Nesta segunda-feira, a partir das15h, na Praça da Estação, haverá grande concentração de estudantes das escolas universitárias, pais de alunos, estudantes das rede públicas estadual e municipal, movimentos dos sem-terra, dos sem-teto e várias categorias de trabalhadores e entidades sindicais e estudantis.

Na concentração, serão confeccionados cartazes, faixas, bandeiras de protesto e em seguida todos seguirão em passeata.

Já na terça-feira, ocorre aassembleia geral da categoriaàs 13h, no pátio da ALMG. Além dos 10 mil educadores que têm participado das nossas assembleias, centenas de apoiadores e lutadores sociais dos mais diversos movimentos e grupos sociais,organizados em três colunas, vão se encontrar com os educadores durante a nossa assembleia.


Será um momento único e simbólico de união dos de baixo contra a máquina montada em Minas Gerais para destruir as conquistas e os direitos dos de baixo. É hora, portanto, de fortalecermos a nossa greve e participar destes e outros eventos regionais que estão em curso, afim de mostrar ao governante e seus aliados que não estamos dispostos a abrir mão dos nossos direitos.

Por todo o Brasil e até em escala mundial, crescem a divulgação e o apoio à nossa greve pelo piso salarial nacional, revelando que em Minas Gerais se vive um dos momentos mais tristes de sua história. Mas, ao mesmo tempo, é onde brota a esperança de que as forças sociais dos de baixo organizadas e unidas haverão de derrotar a máquina de moer gente, consubstanciada neste projeto de choque de gestão e de confisco dos salários e dos direitos dos de baixo.

Um forte abraço a todos e força na luta! Até a nossa vitória!"



NDG de Plantão








Outras cidades  (não tenho o nome das escolas):
FAVOR enviar para  gscrow@gmail.com
  
Gleiferson Crow
LEIA: o Jornal do José Elias Issa


---------------------------------------

120 horas de greve de fome

"Neste sábado, a greve de fome iniciada pelos companheiros Marilda e Abdon completa 120 horas.
Neste período não houve nenhum pronunciamento do Governador Antônio Anastasia.
O Presidente da Assembleia Legislativa, Diniz Pinheiro também nada fez ou se pronunciou.
A única ação da Assembleia Legislativa foi chamar o Batalhão de Choque para a categoria.
Por outro lado, a Secretaria de Estado da Educação forneceu, diariamente informações à imprensa tentando construir a idéia de que a greve estava acabando. Levantamento feito pelo sindicato e que será divulgado no início da semana revela que a Secretaria tem mentido sistematicamente à população. A greve não está acabando. Ao contrário, continua presente em todas as regiões do estado.
A vigília na Assembleia Legislativa continua por tempo indeterminado.
Esta segunda-feira, dia 26, será marcada por várias atividades:
A partir de 9:00: reinício da vigília na Assembleia Legislativa com a participação de caravanas do Interior;
14:00: Ato promovido pelos profissionais da UFMG com participação das Centrais Sindicais, na Praça da Estação.
15:00: Ato promovido por estudantes, pais e toda a sociedade, também na Praça da Estação.
FONTE: Blog da Beatriz Cerqueira  

------------------------------





Ana Lúcia Gazzola, ex-reitora da UFMG, ex- secretária de Ação Social e Segurança, atual secretária da Educação do governo Anastasia… Parece-se muito com outras mulheres da sua geração que atuaram na UFMG. Elas buscaram sempre, da forma mais sistemática, o poder pelo poder. Vincularam, estreitamente, estudo e sede insaciável de poder. Em longa carreira escolar, de estudante à professora, ela especializou-se, no entanto, numa arte à qual foi se afeiçoando e se destacando, vistos os seus preciosos resultados práticos: a retórica, com ênfase nas preferências éticas e morais do momento. A eloqüência oportunista toma mesmo conta de personalidades desse tipo. O conteúdo verdadeiro das ações, de fato, não lhes importa nunca. O que querem, antes de tudo, é “convencer”.
É o que mais transparece em seu currículo. O elemento conectivo mais evidente da sua atuação é, com efeito, a transparente busca do poder pelo poder e o seu exercício autoritário.
Uma colega conta que, por ocasião de uma divergência com uma professora dentre as citadas acima, respondeu à sua interlocutora:
-“Não Fulana, não sou doida, deus me livre, não vou brigar: você convence e ganha sempre de qualquer um!”
Não são poucos os professores da UFMG que conviveram com a atual secretária do governo Anastasia e concordam em gênero, número e grau com esta interpretação. Ela e suas colegas da UFMG nunca se apoiaram “organicamente” em nenhum pensamento ou autor mais determinado. Sempre se utilizaram, de forma instrumental, avulsa, de um autor ou conceituação mais em voga para cobrir-esconder “democraticamente” as suas posturas e atuação autoritárias
As leis de FHC sobre a aposentadoria no serviço público apressaram a saída desse pessoal da UFMG e os tornou elementos “disponíveis” à procura de novos empregos. Uma das citadas professoras que mais jogavam conversa fora  sobre a defesa do  ensino público deixou apressadamente o seu lugar de diretora da FAFICH/UFMG para trabalhar na PUC/MG. A sua gestão como diretora da FAFICH já marcava a sua disponibilidade para o new lookideológico e político, praticado, mais abertamente, mais tarde,  no governo Aécio. A professora realizou ali uma frente eleitoral de centro direita para dirigir a Faculdade. O seu vice-diretor, de conhecidas feições ultra-conservadoras até na militância religiosa, marcou esta composição política e ideologicamente eclética. O ecletismo, é importante esclarecer, não é pluralismo, ou seja,  uma elaboração de uma positiva  unidade na diferença, pela base e não pelo alto.  O ecletismo político é, assim, um instrumento de cooptaçao do novo pelo velho.
Esse new-look político começou ainda que de maneira empírica, não sistemática, no governo Hélio Garcia. Um professor do Departamento de Ciências Econômicas da UFMG foi secretário de Governo, Ministro de FHC e permaneceu como quadro político e administrativo do PSDB no primeiro governo Anastasia. Ele foi um dos primeiros peões transformistas da redemocratização conservadora que tomou conta do país com a queda da ditadura. A cooptação dos elementos disponíveis para conformar novos quadros conservadores - transformismo político - dos partidos tradicionais,  foi um recurso de que os partidos mais direitistas lançaram mão para recompor ou “rejuvenecer” politicamente suas cohortes muito desgastadas pela ditadura.
Estadualmente, foi no governo Aécio, continuado pelo seu vice, que a prática do new look político tornou-se mais ampla e sistemática. Uma política de cooptação conservadora das elites utilizando-se de quadros soltos, política e ideologicamente, de diversos ambientes profissionais. Da UFMG, mais notoriamente, surgiram, nessa situação, no primeiro escalão de governo, a ex-secretária Vanessa Guimarães e a atual, Ana Lúcia Gazzola. No segundo e terceiro escalão o número foi certamente maior.
A atual secretária de educação foi, notoriamente, a figura de longe mais organicamente autoritária dos advindos da UFMG. Ninguém se esquece da maneira como desalojou, com a ação ostensiva da PM, os estudantes que residiam na então moradia estudantil do antigo Hospital Borges da Costa. São numerosos os professores que sofreram as célebres comissões de sindicância da “era Gazzola”, marcadas pelo comando das elites acadêmicas contra os seus desafetos internos.
Tudo isto nos vem, naturalmente, à memória, ao lermos hoje, no auto denominado “grande jornal dos mineiros” anastasistas, o artigo da Secretária de Educação, fazendo duas afirmações emblemáticas. Na primeira ela acusa os professores em greve de uma prática que sempre foi, magistralmente, sua: “a retórica, por mais engenhosa que seja, não consegue mascarar a realidade”. Podemos estar certos que antes de escrever esta sentença, ela a pronunciou para si mesma diante do espelho… A segunda também, acusando, do mesmo modo, os professores, cabe como uma luva para caracterizar o que ela mesma mais sabe fazer: conspirar contra a escola pública.
Não fosse o auspicioso apoio da população, os professores e a opinião democrática deveriamos certamente nos preocupar com os reflexos autoritários da Secretária, tendo em vista os lamentáveis fatos já ocorridos no caso da desocupação, manu militari, dos recintos do Hospital Borges da Costa."
E os exemplos continuam:  
NDG   LIBERTA   Minas


Alunos fazem protesto contra aulas aos sábados
Escola terá aulas até 23 de dezembro; estudantes farão protesto na segunda
Pressão. Professores em frente a policial durante manifestação ontem na porta do Ministério Público


"O início da reposição do calendário escolar em várias instituições estaduais, a partir de hoje, provocou reação entre estudantes que não concordam em trocar os sábados de folga pela sala de aula. Ontem, alunos da Escola Estadual Tito Fulgêncio, no bairro Renascença, na região Nordeste da capital, fizeram uma manifestação na porta do colégio. No fim da manhã, cerca de 60 alunos fecharam o trânsito na rua Jacuí, uma das principais do bairro. "Eles (alunos) não querem ter aula aos sábados e muitos tinham programado viagens de férias em janeiro", explicou a diretora da instituição, Maria de Paula Machado. O colégio tem 615 alunos, em dois turnos.

Segundo a diretora, de maneira geral, a instituição precisa repor 12 dias letivos perdidos durante a greve. No entanto, as turmas de cinco dos 35 professores perderam 12 semanas de aulas.
Segundo Maria de Paula, três dos profissionais decidiram retomar as atividades e dois estão sendo substituídos por designados desde o dia 22 de agosto.

Para colocar o calendário em dia, a Tito Fulgêncio irá utilizar todos os sábados até o dia 23 de dezembro e algumas turmas vão ter aulas até fevereiro.

O calendário de reposição, anunciado pela Secretaria de Estado de Educação (SEE), na última segunda-feira, conta com 19 sábados e todo o mês de janeiro, podendo ser prolongado até o dia 17 de fevereiro. Segundo a SEE, 1.184 professores voltaram às salas de aula ontem, e o número de docentes parados baixou de 9.767 para 8.583, o que equivale a 5,47% dos professores da rede estadual. No total, 35 escolas retomaram as atividades normais ontem. Atualmente, segundo o órgão, são nove escolas paradas.

Para a balconista Josina Rodrigues, 52, mãe de dois alunos do colégio Tito Fulgêncio, seria melhor que os estudantes não tivessem férias em vez de sacrificar os sábados. "Tenho certeza que meus filhos não vão querer ir à aula aos sábados".

Os alunos prometem fazer nova manifestação na segunda-feira, na praça Sete. "Somos os mais prejudicados nessa greve. Não achamos justo sacrificar nosso tempo de descanso", afirmou a estudante Isabela Rodrigues, 18."

FONTE: o TEMPO on line
....................................................

MARX, O DIABO E A CRISE DO CAPITALISMO

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

                                                                                                                          Armando Avena
Karl Marx acordou aborrecido. O inferno estava quentíssimo e Lúcifer teimava em acordá-lo para contar as novidades do mundo dos homens. Marx já não se interessava muito por esse mundo e não podia conter a indignação quando lembrava as atrocidades que foram feitas em nome do socialismo. Graças ao diabo, vivia no primeiro círculo do inferno, e não precisava dividir as chamas com genocidas como Stalin, Ceausescu e Pol Pot, que mataram milhões de pessoas em seu nome, e habitavam os círculos mais profundos da casa de Hades.

Após tantos contratempos, ainda acreditava no fim do capitalismo, mas tantas vezes ouviu seus seguidores anunciarem equivocadamente a dêblacle final do sistema que o ceticismo dominou seu espírito. O capitalismo era uma espécie de Fênix que ressurgia das próprias cinzas, e cada crise que parecia trombetear seu extermínio terminava por fortalecê-lo. Já não se entusiasmava com os espasmos cíclicos do sistema e, a essa altura, preferia arder em paz no inferno do que sair por aí anunciando a crise definitiva que nunca chegava. Por isso, aborreceu-se com a insistência com que o diabo o chamava, mas como não podia mandá-lo para o inferno, afinal ele já estava lá, resolveu ver o que desejava o famigerado Senhor das Trevas. Ao vê-lo com as narinas fumegantes, indagou:

– O que você quer Belzebu?

– Marx, suas previsões estão se confirmando. O capitalismo está ruindo.

– Já não creio nessa lorota. – retrucou Marx, sarcástico. – É apenas mais uma crise cíclica.

– Mas o que está acontecendo é grave. Começou com uma crise imobiliária, mas contaminou o sistema bancário e agora ameaça a economia real. O que houve com o capitalismo, Marx?

– É o velho ciclo de auge e depressão. O mundo passou por um período longo de crescimento e o superaquecimento da economia dos EUA, que representa quase 30% da economia do planeta, além do convívio prolongado com baixas taxas de juros, gerou uma exuberância irracional no sistema. Havia excessiva liquidez no mercado e isso estimulou o endividamento. Houve uma expansão exagerada do mercado imobiliário americano, pois havia tanto dinheiro sobrando que os bancos passaram a financiar credores sem capacidade de pagamento, clientes que não eram prime, mas subprime. As dividas desses clientes foram securitizadas, e essa garantia permitia que esses títulos fossem negociados no mundo inteiro. As empresas começaram a fazer seguros com as hipotecas desses clientes duvidosos e assim os riscos foram terciarizados, de forma que os bancos não precisavam se preocupar com a qualidade dos clientes a quem estavam emprestando. Os títulos foram negociados nos EUA e no resto do mundo, fazendo o risco espalhar-se no mercado. Deu-se a coisa mais típica do capitalismo moderno: alavancagem financeira com títulos podres.

- Ora, ora, Marx, eu sou apenas um diabo, não entendo esse economês todo. O que eu quero saber é se o capitalismo vai acabar.

- Lúcifer, meu amigo, desde que meu vizinho de inferno, esse empedernido Lord Keynes, fez uma teoria dizendo que o Estado podia intervir na economia, o capitalismo deixou de correr perigo. Esse maldito inglês propôs que o Estado usasse todos os instrumentos disponíveis para resolver as crises do capitalismo. Esse Keynes dizia que os gastos do governo eram o antídoto para a recessão, e que, na crise, era necessário o governo consumir e investir para dinamizar a economia. Pois bem, quando aquele presidente americano imbecil, o Bush, e seus asseclas neoliberais deixaram o banco Lemon Brothers quebrar, ele pretendiam contradizer Keynes e dizer ao mundo que quem mandava no sistema era o mercado. Quebraram a cara. O mercado desabou, os bancos começaram a quebrar, um atrás do outro, e eles tiveram de colocar o rabinho entre as pernas e aceitar as propostas do Banco Central e do governo da Inglaterra e estatizar parcialmente os bancos, injetando bilhões de dólares na economia para evitar a quebradeira geral e outros tantos para garantir o crédito.

- E de onde veio esse dinheiro todo?

- Dos contribuintes, meu bravo capeta. Foi com o dinheiro deles que se evitou que o capitalismo quebrasse. Os governos injetaram bilhões diretamente e em forma de crédito na economia e estatizaram os bancos, mas essa estatização é mentirosa , quando a coisa acalmar tudo voltará às mãos do setor privado. Em poucas palavras: eles socializaram os prejuízos causados pela especulação financeira e pela ganância dos especuladores. O mais incrível é que a sociedade não só permitiu que o governo fizesse isso como aplaudiu a incitativa. Foi o contribuinte que bancou a farra das hipotecas e dos banqueiros. No fundo, é Keynes novamente: o Estado salvando o capitalismo e os capitalistas.

- Não é à toa que esse Lord Keynes está no inferno.

- O pior é que ele desvirtuou o próprio capitalismo. Você não percebe a ironia, Belzebu. O capitalismo, cuja essência é a liberdade econômica e a privatização, valeu-se da estatização do sistema para evitar a crise. Isso já não é mais capitalismo, é um hibrido, uma Hidra de Lerna que perde uma cabeça para ver crescer duas em seu lugar.

- Mas, Marx, se os governos não fizessem isso haveria uma corrida aos bancos? O sistema financeiro internacional quebraria e o capitalismo iria ruir.

- E era exatamente isso que eu queria. Mas hoje eu sei que será impossível. O capitalismo é um monstro camaleônico, que toma a forma do bicho que deseja destruí-lo. Sabe, Lúcifer, eu fiquei impressionado quando vi a face de Che Guevara estampada no biquíni daquela linda brasileira, Gisele Bundchen, acho que é esse o nome dela. Ora, a foto de Guevarra, que queria exportar o socialismo, tornou-se o souvenir mais vendido no mundo. Percebi então que é essa a mágica do capitalismo, ele é flexível, camaleônico, se não pode destruir um símbolo, apropria-se dele e o transforma em mercadoria. E quando vem uma crise como essa agora, o poderoso mercado também flexibiliza, baixa cabeça e, para não sucumbir, submete-se ao Estado. O sistema deixa-se estatizar momentaneamente para logo depois tudo voltar ao que era antes.

- O que você que dizer com isso, Marx?

- Que o capitalismo não vai acabar tão cedo, meu Príncipe das Trevas. Ele é uma hidra de muitas cabeças. A crise pode cortar algumas delas, mas logo nascerão outras e, mesmo que algumas coisas mudem, tudo continuará como está.
*Economista, jornalísta e escritor. Armando Avena é prof. da Universidade Federal da Bahia e da Universidade Católica de Salvador.

Fonte: (www.bahiaeconomica.com.br)
    
Colaborador: Profº Rafael Luiz
............................................................................


"Cartunista Latuff. Enviado pela combativa colega Renata".
FONTE: BLOG DO EULER    (http://blogdoeulerconrado.blogspot.com/)
kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Como já diria o nosso saudoso Chacrinha:


 “Quem não se comunicase trumbica”.


Vale a pena ver de novo:

"Primeiro eles te ignoram,
 depois riem de você, 
depois brigam, e então você vence." 
                                 (Mahatma Gandhi)
LEIA: o Jornal do José Elias Issa
leiajeissaeemg.blogspot.com

Cidade Administrativa MG - 
madrugada do dia 25 de agosto de 2011 (clique)




URGENTE!   URGENTE!   URGENTE !



Greve dos professores e as Igrejas.
Frei Gilvander

Mutirão para dialogar com povo das igrejas no próximo final de semana, dias 24 e 25/09/2011.
O Clamor dos professores da Rede Estadual de Educação, em greve há 107 dias, e os clamores da educação pública em Minas Gerais precisam chegar a todas as Igrejas e a toda a sociedade.

Em reunião com representantes de dezenas de sindicatos, movimentos populares do campo e da cidade e outras entidades que estão compondo uma Grande Rede de Apoio à greve dos professores em Minas foi aprovado oMUTIRÃO NAS IGREJAS DE BH, REGIÃO METROPOLITANA E MINAS GERAIS.
ACONTECERÁ...

Quando? Dias 24 e 25 de setembro, sábado e domingo,

O quê? Grande mutirão para informar o povo que participa das celebrações religiosas, nas igrejas católicas e não católicas, sobre a Greve dos Professores da Rede Pública de Minas Gerais, que estará no seu 110º dia.

Como? Conclamamos professoras e membros da grande Rede de Apoio à grave dos professores a participar de todas as celebrações religiosas nesse final de semana: missas, cultos e etc. Sugerimos que vá pelo menos duas pessoas às igrejas de Belo Horizonte, da Região Metropolitana e de Minas Gerais. Cheguem às igrejas pelo menos uns 20 minutos antes da celebração. Vá direto à sacristia e converse com o padre ou com o pastor. Peça apoio às justas e legítimas reivindicações dos professores, em greve há 110 dias. Solicite falar à Assembleia religiosa pelo menos uns 5 minutos durante a missa, culto ou celebração da Palavra etc. Deixe um panfleto com algumas das principais informações que revelem a justeza da greve. Conclame as comunidades religiosas a manifestarem concretamente apoio à luta dos professores. Afinal, educação pública é uma questão que diz respeito a toda a sociedade.
Convide para manifestar concretamente, de alguma forma, o apoio à luta tão justa, necessária e sublime dos educadores de Minas. Convide todas as pessoas presentes nas celebrações religiosas para participarem de:

a) Ato Público, com Marcha, na segunda-feira, dia 26 de setembro, a partir das 15:00hs na Praça da Estação, em Belo Horizonte.

b) Uma das três Marchas que acontecerão na terça-feira, dia 27 de setembro, iniciando às 13:00h saindo:

1) 1ª COLUNA: Saindo da Av. Amazonas, ao lado do Colégio dos Salesianos, às 13:00h, dia 27/09, terça-feira;

2) 2ª COLUNA: Saindo da Praça da Estação, às 13:00h, dia 27/09, terça-feira;

3) 3ª COLUNA: Saindo da Av. N. Sra. do Carmo, 476, em frente à Igreja do Carmo, no Carmo Sion, às 13:00h, dia 27/09, terça-feira.
Atenção! Essas três Colunas de professores, trabalhadores e movimentos sociais, irão, em Marcha até o Pátio da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em BH, onde a partir das 14:00hs acontecerá a 15ª Assembleia Geral dos professores em Greve há 110 dias. Contaremos com a participação de vários artistas (Pereira da Viola etc), celebridades nacionais, muitos sindicatos e Movimentos Populares do Campo e da Cidade, sociedade civil. Enfim, todos que estão juntos na luta tão justa, legítima e necessária dos professores por uma educação pública de qualidade em Minas.
Pela Comissão de organização,
Frei Gilvander Moreira, cel.: 31 9296 3040.


Belo Horizonte, 23 de setembro de 2011
Um abraço afetuoso. Gilvander Moreira, frei Carmelita.
e-mail:gilvander@igrejadocarmo.com.br
www.gilvander.org.br
www.twitter.com/gilvanderluis
Facebook: gilvander.moreira
skype: gilvander.moreira



FONTE: blog do euler 
              Ana Cristina 
              Wladmir Coelho   
NDG de Plantão

Parabéns a todos que continuam na GREVE dos 107 dias!

     RELATO 22  9  2011  
 Vigília  Psicopolíticopedagosocial 
(é essa palavra nova mesmo )


                                               Crédito das fotos: Gleiferson Crow  /  EQUIPE NDG
                  Tem fotos disponíveis  no final.

RELATO  parte 1  -----------
Cheguei por volta das 9h40min, aos primeiros passos o compromisso de visitar nossos HERÓIS Marilda e Bidu, fiz minhas orações ontem antes de dormir, (...) emocionei e lágrimas desceram, lágrimas de dor, de revolta, de esperança, ainda vivo: LUTO, LOGO EXISTO. Aproveitei para fazer um registro fotográfico e cumprimentá-los, pois esse é um ato heroico, e só não faço companhia a eles por motivos de prioridade familiar.

Depois conversei com alguns companheiros que estavam acordando, pois passaram a noite ali na casa do POVO: ALMG. Eu nunca imaginaria ter que fazer greve de fome; passar noite dormindo em uma assembleia; usar duas ou três camisas diferentes (seguro morreu de velho - ditado popular), pois o NDG está incomodando uma minoria que detém o poder e não querem largar essa parte do bolo; os meus amigos até brincam NDG a paisano (rs rs rs);  aturar policias de guarda a todo tempo e prontos para agir se necessário ou com ordem de governo; sentir-se o tempo todo vigiado, seguranças tirando foto como se nós professores fossemos alguma ameaça, mas deixo aqui que por minha parte jamais utilizaria da violência com quem educa, ou com qualquer ser humano pensante e digno de respeito para implantar uma LEI, UM DIREITO;  passar 107 dias e 107 noites pensando como será o dia seguinte: GOVERNADOR cumpri a determinação da justiça e paga o PISO Nacional da Educação (Lei Federal 11738/08), não é simples o que o GOVERNADOR Antônio Anastasia está criando é uma verdadeira BOMBA RELÓGIO e espero que dessa tirania e deste descaso não saia nenhuma vítima fatal, porque vítimas já tem feito (moral e física). A voz de todos os companheiros que fiz questão de cumprimentar cada um e deixar um aperto de mão, solidarizando com esse ato heróico, pois não é simples abandonar o LAR e a família e as pessoas que amam para estarem alí. Fico emocionado quando penso em cada instante dessa greve histórica de 2011, que na soma 2+0+1+1 = 4, esse é um ano difícil e vai demorar a passar mesmo, porém é um ano de conquistas. Encontrei depois com meus amigos da cidade de Matozinhos que também estavam na vigília desde o raiar do SOL. Confesso gostaria de ver os raios da liberdade em uma cachoeira e banhada com o cantar dos pássaros, não com o barulho de um trânsito que a cada dia fica pior e de repente de algum passarinho(pardais e bem-te-vi  com o cantar já urbanizados).

Encontrei, enfim, já por volta de 12h00 min meus amigos da EE José Elias Issa e com os amigos de Vespasiano, e num momento muito bom a refeição (DETALHE: quando estava enviando uma mensagem fui chamado por um senhor aparentemente da classe média alta, muito educado e com uma voz um pouco apreensiva: "Bom dia, tem alguém do SindUTE aí", eu respondi que não, mas que poderia ajudá-lo estivesse ao meu alcance e ele disse ainda apreensivo: "estou com o almoço do pessoal, mas eles não permitiram minha entrada" então convidei o cidadão a ir comigo até o pessoal do SindUTE e apresentei ao Jonas, que imediatamente providenciou a entrada da nossa alimentação. E como sempre perguntei para aquele senhor se ele gostaria de registrar o depoimento dele para o NDG Notícia para divulgação nos AV's, e ele respondeu:
"não, não , não  eu não posso aparecer pois sou da prefeitura" com uma voz mais apreensiva ainda. Agradeci mesmo assim, pois na vida você não pode ter medo de perguntar, de pedir, pois você poderá receber apenas uma resposta: SIM ou NÃO, e algumas vezes um TALVEZ.

Antes do almoço cantei com um grupo de amigos que estavam com violão, pandeiro a música que postei ontem (faço a divisão dos dias quando durmo e quando acordo), pois calendário é uma necessidade do imediatismo do capitalismo.

"Se você pensa que subsídio é piso, 
subsídio não é piso não,
porque PISO vem da Lei ,
e o subsídio vem do ladrão... "
                                                               Gleiferson Crow

Foi bom, colocaram notas e tudo mais.
Deixo aqui minha satisfação de poder compartilhar um pouco do que vivi hoje.
Fui embora por volta das 15h11min e com a certeza que aqueles amigos e heróis que ainda ficavam fariam valer minha voz, quando fui embora alguns companheiros estavam chegando e foram recebidos com uma salva de palmas.  
A sobremesa não poderia ser outra: MARMELADA (de sobremesa).

"É muito difícil você conseguir vencer numa boa.
 Pra vencer você tem que lutar, e essa luta muitas vezes significa indispor de certa forma com algumas pessoas, pra prevalecer aquilo que você acredita. 
Teu ponto de vista, tua cabeça, 
a tua personalidade acima de tudo. 
E se você não lutar pra valer, você acaba perdendo teu próprio rumo. E se você perde o teu próprio caminho, você não é ninguém. Então, pra conseguir manter essa linha de conduta, você tem que lutar muito. E, muitas vezes, tem que brigar mesmo." Ayrton Senna

Gleiferson Crow
Ser humano pensante


Acabo de ver e ouvir o vídeo da batalha na Praça da Liberdade no último dia 16 de setembro.


"Uma coisa é você ler a história,
outra coisa é você viver a história !"
                                                                        (Gleiferson Crow) 
http://www.youtube.com/watch?
feature=player_embedded&v=6XTZvlNAC8s



E o mais engraçado, que hoje estive na nossa vigília, na ALMG e gravei um relato do companheiro Profº Maurício falando sobre a reação dos representantes da polícia de Minas Gerais e de alguns deputados que questionaram a vestimenta da charge a seguir: (irei postar o vídeo mais tarde) 
                    
O VÍDEO postado no BLOG do EULER casa completamente com a charge.
  
ESCOLAS do norte e noroeste de Minas
 fazem adesão a GREVE 
         
"As emoções são a próxima fronteira a ser compreendida e conquistada. Gerenciar nossas emoções não é sedá-las ou suprimi-las, mas compreendê-las de modo que possamos inteligentemente direcionar nossas energias e intenções emocionais. É hora dos seres humanos crescerem emocionalmente, amadurecer em cidadãos emocionalmente gerenciados e responsáveis. 
Nenhuma pílula mágica fará isso. "  
                                                                                            ( Doc Childre ) 
  ------------------------------------
OLÁ companheiros !!!

A EE Francisco Sales ESTÁ de GREVE a partir de segunda-feira, já avisou aos alunos, regional SETE LAGOAS, parabéns aos amigos Geraldo e Djair que conseguiram o apoio de nossos colegas. E amanhã, os membros do NDG, juntamente com alguns professores em GREVE irão visitar a EE Mestre Cornélio, ambas da CIDADE de Capim Branco e são escolas referências na região. E em conversa com o amigo e companheiro de luta Ciro de Sete Lagoas escolas das cidades de Papagaios e Maravilha também estão aderindo à GREVE (regional de SETE LAGOAS)

Uma salva de PALMAS  para os nossos companheiros.

Amanhã darei notícias da EE Mestre Cornélio,  que vem acompanhando a GREVE e participando das paralisações. 

"Se você pensa que subsídio é piso, 
subsídio não é piso não,
porque PISO vem da Lei ,
e o subsídio vem do ladrão..
(Gleiferson Crow)

Abraços e que DEUS esteja com todos nós.

Gleiferson Crow
NDG de plantão

Outros vídeos

Professores em Greve e ironia na ALMG com Serventes de Pedreiro




Deputado sai em defesa de professora proibida 

de se manifestar na Casa do Povo - Parte 2


__________________________________________

O  PISO É NOSSO, O MINÉRIO TAMBÉM



Se você pensa que subsídio é PISO, 
subsídio não é PISO não,
porque PISO vem da Lei ,
e o subsídio vem do ladrão...  
                                                (Gleiferson Crow)
A pesquisa continua:
QUARTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2011

Vale envolvida em corrupção tucana no governo Aécio: grilagem de terras públicas com jazidas de ferro


4
governador antonio anastasia e Roger Agnelli
O governador Anastasia e o ex-presidente da Vale Roger Agnelli, em recente convênio.
A mineradora, através de suas subsidiárias e controladores financiaram a campanha tucana de Minas, em 2010, com pelo menos R$ 7,25 milhões


Anastasia e Aécio Neves devem ser denunciados por desvio de recursos
Como o MPE encurralou o governo e Copasa


E leiam com ATENÇÃO aos nomes dos ilustres cidadãos:

"Os promotores Josely Ramos, Eduardo Nepomuceno e João Medeiros querem que a administração do governo de Minas e da Copasa, conduzida na gestão Aécio Neves/Anastasia, devolva ao Fundo Estadual de Saúde os R$ 3,3 bilhões que é objeto da Ação Civil Pública que tramita na 5ª Vara da Fazenda Pública Estadual e que segundo eles podem ter sido desviados da saúde pública."

“Ressalte-se que a COPASA recusou-se a prestar informações ao Ministério Público sobre os fatos aqui explicitados. Notificado a comparecer na Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde, seu Presidente apresentou justificativa na data marcada e não compareceu.."

blog de interesse PÚBLICO:
E ainda dizem que a nossa GREVE é que é ilegal,
muita atenção.  LEIA e fale para seus amigos.

QUARTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2011

"Vale envolvida em corrupção tucana no governo Aécio: grilagem de terras públicas com jazidas de ferro

3) O intermediário fechava o ciclo do esquema, revendendo a terra para grandes mineradoras;

Segundo a Polícia Federal, para fazer a fraude da grilagem, os criminosos cometeram os delitos de:
- falsificação de documentos públicos e particulares;
- falsidade ideológica;
- corrupção ativa e passiva;
- formação de quadrilha
- e lavagem de dinheiro. " (FECHA ASPAS) 
mAS ESTAMOS DE OLHOS beeeeeeeem  abertos

"O principal alvo dos criminosos eram vastas extensões de terras públicas no extremo-norte do Estado de Minas Gerais (principalmente nos municípios de Rio Pardo de Minas e Indaiabira), onda há jazidas, recentemente descobertas, estimada em 10 bilhões de toneladas. "

Abraços !!!
O Minério é nosso, o Piso também.

Estamos de olho !!!
Gleiferson Crow
LEIA: o Jornal do José Elias Issa

________________________________

NDGde plantão


Caro visitante, preciso da sua ajuda



Relógio da Copa do Mundo é batizado com sangue de professores em GREVE (Minas Gerais - BRAZIL)


Peço sua colaboração para ajudar a divulgar O DESCASO do governador de Minas Gerais Antônio Anastasia (PSDB)  com a educação pública. A GREVE dos 106 dias em Minas já é notícia em todo o Brasil, nossos heróis em Greve de Fome e os heróis em vigília na ALMG e todos os profissionais da educação, que tem sofrido 106 dias e 106 noites com tal imoralidade são seres humanos e seu semelhante.  A Presidenta Dilma Roussef está na ONU - USA (The United States American), precisamos que a notícia da GREVE da educação em Minas Gerais seja um assunto entre essas duas nações americanas.


SITE OFICIAL:


No primeiro discurso na ONU, Dilma relaciona saúde a desenvolvimento social

President Barack Obama participates in the Open Government Partnership event at the Waldorf Astoria Hotel in New York, N.Y., Sept. 20, 2011. (Official White House Photo by Samantha Appleton)




http://www.whitehouse.gov/


A GREVE CONTINUA  e agora é ao vivo!!!

"Transmissão da vigília ao vivo na Assembleia."
Clique:
http://www.livestream.com/nelsonpombojr

Fonte: Blog do Euler
_________________
Parabéns aos nossos HERÓIS !


Ontem, dia  20 de set. cerca de 10.000 profissionais da educação reunidos em assembleia  decidiram manter por tempo indeterminado a GREVE histórica. É preciso que o GOVERNADOR de Minas entenda, que nós professores não vamos assumir acordo com GOVERNO que não cumpre a Lei. Que nós verdadeiros mestres só negociamos com quem vê, escuta e fala; e dialoga.

O PISO É LEI, A GREVE  É  LEGAL.




Piso nacional dos professores subirá 16,6% em 2012, 

para R$ 1.384,99

O Globo
"O valor do piso nacional dos professores das escolas públicas do país terá reajuste nominal de 16,6% em 2012, passando dos atuais R$ 1.187 para R$ 1.384. A variação cumpre a lei 11.738, de 2008, que prevê aumento do salário-base docente conforme o incremento do custo anual por aluno previsto no Fundo Nacional de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização do Magistério (Fundeb).
De acordo com a memória de cálculo do projeto de lei orçamentária enviado hoje ao Senado pelo Ministério do Planejamento, o Fundeb também terá reajuste nominal de 16,6% no ano que vem, com arrecadação prevista de R$ 106,7 bilhões, considerando R$ 77,4 bilhões de aportes dos Estados e R$ 29,2 bilhões da União. Com isso, o Brasil aumenta o seu gasto por aluno na mesma proporção, para R$ 2.009,45.
O documento também indica que a complementação financeira da União ao Fundeb será 23% maior que a de 2011, chegando a R$ 9,603 bilhões. Esse valor é distribuído entre dez Estados que, com sua arrecadação, não conseguem cumprir o custo-aluno de R$ 2.009,45.
A novidade é que Paraná e Minas Gerais entram pela primeira vez nessa lista - geralmente composta por Estados pobres - e receberão, respectivamente, R$ 144 milhões e R$ R$ 1,115 bilhão do governo federal em 2012 a fim de cumprir suas obrigações financeiras na área educacional.
O projeto de lei orçamentária de 2012 prevê ainda que  o Ministério da Educação (MEC) desembolse R$ 1,067 bilhão aos governos estaduais e prefeituras que tiverem problema para cumprir a lei do piso nacional dos professores. 

Até o fim do ano, o MEC publicará portaria validando todos esses números."

O GLOBO
Colaboradores: Blog da Cris / Twitassooo
FOTOS e MOMENTOS
     NDG          clique

                              
...................................................................................................................................

Comentários:






















Gracieusa Brito disse...



























































Que excelente idéia, parabéns Professor Gleiferson. Continue atualizando a lista com as escolas em greve que a gente vai divulgando nas redes sociais e isso fará com que as escolas e/ ou pessoas que não pararam percam o medo, pois vão peceber um fato simples: O MEDO É SINAL DE INTELIGENCIA, PARA A PRESERVAÇÃO DA VIDA. LOGO TODOS NÓS TEMOS POIS COMO ALGUÉM JÁ DISSE NESSE BLOG: NÃO SOMOS ELITE ECONOMICA MAS SOMOS ELITE PENSANTE. Nem por causa do medo vamos acovardar. O medo que paraliza é doença, precisa se tratar. Não estamos sozinhos...
CORAGEM AMIGOS, tenho mais de oito greves no meu currículo e nem por isso perco a coragem. Estava em greve e entrei de férias premio, esta já teminando, retorno a greve. Sem falar que mesmo de férias estive na batalha da greve dioturnamente.
Estou nesse vídeo que recomendo, bem atrás do U da palavra LUTA que aparece. Sem falar das perdas pessoais de quatri pessoas queridas da minha família que me provocou uma cardiopatia. Mas mesmo assim vamos pra cima. Aprendi com o PROFESSOR GLEIFERSON: " PREFIRO MORRER EM PÉ QUE VIVER AJOELHADA". Podemos nos atualizar mesmo após 28 anos de exercício,um cargo afastada a quase quatro anos para a aposentadoria, que não conseguem publicar e o outro faltando mesmos de cinco anos para aposentar. Que aula podemos assistir e ao mesmo tempo ministrar. Obrigada a todos do NDG. Amo vocês.
ASSISTAM: CORAGEM. Agradeço, Muitissímo Obrigada, também ao RODRIGO que postou o vídeo, um dos mais lindos que já vi, pois abre a possibilidade das pessoas a rever seu papel na vida: ser ético na profissão, ser coorporativo quando a classe decidir, ser util ao seu meio e ao mesmo tempo ajudar a mudar a história da humanidade.
http://www.youtube.com/watch?v=SGYUsgLK-28
--------------------------------------------------------------------------------

Olá Gleiferson, Fiquei muito emocionada ao ler seu comentário e agradecimento pela devolução da bolsinha preta perdida no comando de greve na Escolinha Legislativa. Fui eu que a encontrei. Estava deitada no chão, um pouco dodói, e ao me levantar encontrei sua bolsinha. Logo pensei nas circunstâncias a que todos estamos expostos devido a este longo período de greve e as dificuldades financeiras. Não titubeei em procurar a Mõnica no palco para anunciar o achado. Obrigada pelas lindas palavras. Não fiz mais que minha obrigação. Afinal não poderíamos esperar outra atitude de qualquer EDUCADOR presente ali. Abraço e gostaria muito de conhecê-lo pessoalmente na próxima assembléia. Ana Pacheco - Caravana de Caratinga. 22 de setembro de 2011 

3 comentários:

  1. Olá Gleiferson,

    Fiquei muito emocionada ao ler seu comentário e agradecimento pela devolução da bolsinha preta perdida no comando de greve na Escolinha Legislativa. Fui eu que a encontrei. Estava deitada no chão, um pouco dodói, e ao me levantar encontrei sua bolsinha. Logo pensei nas circunstâncias a que todos estamos expostos devido a este longo período de greve e as dificuldades financeiras. Não titubeei em procurar a Mõnica no palco para anunciar o achado. Obrigada pelas lindas palavras. Não fiz mais que minha obrigação. Afinal não poderíamos esperar outra atitude de qualquer EDUCADOR presente ali. Abraço e gostaria muito de conhecê-lo pessoalmente na próxima assembléia.

    Ana Pacheco - Caravana de Caratinga.

    22 de setembro de 2011 17:11

    ResponderExcluir
  2. Que excelente idéia, parabéns Professor Gleiferson. Continue atualizando a lista com as escolas em greve que a gente vai divulgando nas redes sociais e isso fará com que as escolas e/ ou pessoas que não pararam percam o medo, pois vão peceber um fato simples: O MEDO É SINAL DE INTELIGENCIA, PARA A PRESERVAÇÃO DA VIDA. LOGO TODOS NÓS TEMOS POIS COMO ALGUÉM JÁ DISSE NESSE BLOG: NÃO SOMOS ELITE ECONOMICA MAS SOMOS ELITE PENSANTE. Nem por causa do medo vamos acovardar. O medo que paraliza é doença, precisa se tratar. Não estamos sozinhos...
    CORAGEM AMIGOS, tenho mais de oito greves no meu currículo e nem por isso perco a coragem. Estava em greve e entrei de férias premio, esta já teminando, retorno a greve. Sem falar que mesmo de férias estive na batalha da greve dioturnamente.
    Estou nesse vídeo que recomendo, bem atrás do U da palavra LUTA que aparece. Sem falar das perdas pessoais de quatri pessoas queridas da minha família que me provocou uma cardiopatia. Mas mesmo assim vamos pra cima. Aprendi com o PROFESSOR GLEIFERSON: " PREFIRO MORRER EM PÉ QUE VIVER AJOELHADA". Podemos nos atualizar mesmo após 28 anos de exercício,um cargo afastada a quase quatro anos para a aposentadoria, que não conseguem publicar e o outro faltando mesmos de cinco anos para aposentar. Que aula podemos assistir e ao mesmo tempo ministrar. Obrigada a todos do NDG. Amo vocês.
    ASSISTAM: CORAGEM. Agradeço, Muitissímo Obrigada, também ao RODRIGO que postou o vídeo, um dos mais lindos que já vi, pois abre a possibilidade das pessoas a rever seu papel na vida: ser ético na profissão, ser coorporativo quando a classe decidir, ser util ao seu meio e ao mesmo tempo ajudar a mudar a história da humanidade.
    http://www.youtube.com/watch?v=SGYUsgLK-28

    ResponderExcluir
  3. Gleiferson, obrigada a você e a todos os que lutaram bravamente para a conquista do reconhecimento do piso salarial na carreira pelo governo do estado. Vamos propor o Sind-UTE a confecção da medalha de AMIGOS DOS PROFESSORES, para todos que trabalharam ativamente e os que nos ajudaram enquanto apoiadores. E você elabora a lista dos agraciados já se incluindo juntamente com o Euler na listagem. Essa lista deverá ser discutida no blog para ver se inclue outros nomes de todas as regiões do estado. Deus te abençoe ricamente e a todos quantos nos ajudaram.

    ResponderExcluir